Softwares

Pefoce desenvolve software que acelera perícias em análises de áudios – Governo do Estado do Ceará (.gov)

wp header logo 401 Albânia 10

Estimado usuário, identificamos que o seu navegador não conseguiu abrir todos os componentes necessários para o completo funcionamento do sistema. Recomentamos que atualize o seu navegador.
Ascom Pefoce
unnamed 1 10 Albânia 10
A Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce) dispõe de uma nova ferramenta para otimizar as análises em perícias de áudios, o Stenographer. Trata-se de um software próprio desenvolvido pelo Núcleo de Perícias Tecnológicas e Apoio Técnico (NPTAT), da Coordenadoria de Perícia Criminal (Copec) da Pefoce, que possibilita ao perito transformar o áudio, inserido no programa, em texto. Outro diferencial do sistema é a possibilidade de fazer a busca em palavras-chaves relacionadas com o segmento pesquisado, filtrando os textos e acelerando a perícia em dispositivos relacionados a crimes e que sejam parte de investigações.
Antes do desenvolvimento do programa, os peritos precisavam analisar cada áudio de forma individual e selecionar o conteúdo procurado. Muitas vezes era possível encontrar até cinco mil arquivos de áudios em um único aparelho.
A ferramenta, utilizada pelos peritos desde o início do mês de maio, oferece mais celeridade no processo de coleta de dados e contribui com mais precisão para o laudo final, além de otimizar o trabalho do perito, permitindo um desdobramento mais rápido de casos.
O programa é um software de degravação automática de áudio, que utiliza uma técnica conhecida como reconhecimento de voz (Speech Recognition), tecnologia presente em sistema operacional, como iOS e Android, além de outros dispositivos inteligentes, como a assistente virtual Alexa.
O software usa Processamento de Linguagem Natural (PLN), dividindo o áudio em bits, convertendo-o para o formato digital e, posteriormente, analisando o conteúdo capturado. O programa então gera hipóteses sobre o que o usuário pode estar falando. Em seguida, ele transforma essas informações em texto baseado na fala capturada.
O dispositivo marca e destaca palavras-chaves escolhidas pelo perito, gerando um arquivo PDF em sequência, além de informar qual áudio está relacionado com os dados gerados.
A automatização dos dados é muito mais rápida que a escuta manual de todos os áudios. Os textos gerados ofertam mais celeridade na busca de vestígios e informações importantes, melhorando o tempo das diligências da investigação e na produção de laudos.
unnamed 29 Albânia 10
Recém-ingresso na Pefoce, aprovado pelo último concurso, o perito criminal Ênio Rodrigues Viana, que possui vasta experiência com computação e desenvolvimento para dispositivos móveis, conta que buscou uma solução após receber um aparelho celular com muitos arquivos para periciar.
“Tudo começou com um caso que envolvia um aparelho celular com quase cinco mil áudios para analisar. O ofício veio muito bem construído, o que é de fundamental importância para nortear o perito na busca de vestígios de interesse na investigação. Identificamos conversas com conteúdos significativos e eu questionei quanto tempo levaria para realizar a atividade verificando individualmente cada mídia. O cálculo dava incríveis mais de 166 horas só de perícia de áudio”, explicou.
Empregando a sua experiência em desenvolvimento e procurando uma solução para otimizar o tempo de trabalho e acelerar os exames periciais, Ênio, que também é doutorando em Ciência da Computação, conseguiu desenvolver o programa, melhorando o trabalho dos peritos. “Passei em torno de uma semana estudando como solucionaria o problema e após isso mais outra semana desenvolvendo e testando. Durante o tempo do desenvolvimento compartilhei os resultados com os peritos mais experientes que foram sugerindo melhorias até que chegássemos ao produto atual”, disse.
Desenvolvimento Tecnológico
Com o crescimento da tecnologia empregada nos mais diversos tipos de celulares, dispositivos móveis, câmeras, aplicativos de mensagens, cresce também a possibilidade de gravar e armazenar vídeos e áudios. Essas ferramentas se tornam um importante meio de articulação nas atividades ilícitas.
Com o aumento da demanda, é necessário também a perícia desenvolver formas para combater esse tipo de atividade. Os laudos periciais registram provas de cometimento de crimes, além de filtrar informações relevantes de casos em fase de planejamento. A qualificação dos profissionais e do aparato tecnológico são determinantes para que a perícia forense auxilie na materialidade e na identificação de novos crimes, contribuindo com a segurança pública do Estado.
O perito Ênio Rodrigues destacou a importância de contribuir para a elaboração de laudos mais robustos, e, consequentemente, a resolução de crimes. “Ver a ferramenta em ação é algo gratificante, pois é algo que vai além de um produto desenvolvido em ambiente acadêmico, por exemplo, que é puramente teórico, ela, de fato, está sendo utilizada no dia-a-dia no auxílio aos laudos, produzindo provas científicas e acelerando o trabalho pericial”, destacou.
 
Av. Barão de Studart, 505 – Meireles
Fortaleza, CE
CEP: 60.120-013
09 às 18 horas
(85) 3466-4000
© 2017 – 2022 – governo do estado do ceará
todos os direitos reservados
Este site utiliza a ferramenta Google Analytics para coleta de dados estatísticos de acesso. Clique aqui e saiba mais sobre o uso de cookies do Google Analytics em sites.

source

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.