Hardware

Tudo o que você precisa saber sobre memórias DDR, DDR2, DDR3, DDR4 e DDR5 – Clube do Hardware

wp header logo 1800 Albânia 10

Esqueceu sua senha?
Ou entre com um desses serviços
Neste tutorial exploraremos as principais diferenças técnicas entre as memórias DDR, DDR2, DDR3, DDR4 e DDR5. Confira!
Nota: memórias do tipo GDDR, LPDDR e DDR não são a mesma coisa. Não há qualquer correspondência entre a contagem de gerações de tipos diferentes de memória. Por exemplo, memórias GDDR5 se assemelham mais em funcionamento às memórias DDR3 e não às memórias DDR5. Ver “Quais são as principais diferenças entre memórias DDR e GDDR”. O conteúdo do presente artigo aplica-se exclusivamente a memórias do tipo DDR.
Antes de começarmos a falar especificamente sobre cada um dos tipos de memória, você precisa saber que DDR, DDR2, DDR3, DDR4 e DDR5 são memórias do tipo SDRAM (Synchronous Dynamic Random Access Memory), isto é, síncronas, o que significa que elas utilizam um sinal de clock para sincronizar suas transferências. DDR significa Double Data Rate ou Taxa de Transferência Dobrada, e memórias desta categoria transferem dois dados por pulso de clock externo. Traduzindo: elas conseguem obter o dobro do desempenho de memórias sem este recurso trabalhando com o mesmo clock (memórias SDRAM, que não estão mais disponíveis para PCs).
Nota: apesar de oficialmente a nomenclatura da primeira geração de memórias desse tipo ser simplesmente “DDR”, algumas pessoas referenciam-se a tais memórias como “DDR1”, de modo a enfatizar estarem falando de tal geração e não da tecnologia DDR de forma geral.
Por causa desta característica, essas memórias são rotuladas com o dobro de seu clock externo. Por exemplo, memórias DDR2-800 trabalham externamente a 400 MHz, memórias DDR2-1066 e DDR3-1066 trabalham externamente a 533 MHz, memórias DDR3-1333 trabalham externamente a 666,6 MHz, memórias DDR4-2133 trabalham externamente a 1.067 MHz, memórias DDR5-4800 trabalham externamente a 2.400 MHz e assim por diante. Para evitar confusões, sobre qual clock estamos falando, esses clocks “nominais”, também chamados clocks “efetivos”, são frequentemente grafados em transferências por segundo (T/s). Por exemplo, memórias DDR4-2133 podem ser rotuladas como 2.133 MT/s (milhões de transferências por segundo) em vez de MHz, para deixar claro que estamos falando de seu clock efetivo, e não de seu clock externo (que é de 1.067 MHz, como explicamos).
Sinal de clock e modo DDR
Figura 1: sinal de clock e modo DDR
É muito importante notar que esses clocks são valores máximos que a memória pode oficialmente usar; isto não significa que a memória trabalhará com essas “velocidades” automaticamente. Por exemplo, se você instalar memórias DDR4-2133 em um computador que pode acessar apenas memórias a até 800 MHz (1.600 MHz DDR) – ou se seu computador estiver configurado erroneamente –, elas serão acessadas a 800 MHz (1.600 MHz DDR) e não a 1.067 MHz (2.133 MHz DDR). Isto acontece porque o sinal de clock é gerado pelo o controlador de memória, um circuito que está localizado fora da memória (atualmente embutido no processador).

Artigos similares
11 de julho de 2017
25 de agosto de 2005
23 de julho de 2015
18 de janeiro de 2016
11 de julho de 2017
25 de agosto de 2005
23 de julho de 2015
18 de janeiro de 2016
Postado 22 de janeiro de 2010
Gostaria de agradecer por esse ótimo tópico, agradecer por terem pessoas como você q compartilham seus conhecimentos.
Obrigado.
:lol:
Postado 26 de janeiro de 2010
Olá amigos do Clube do Hardware, quero agradecer aqui por esse e tantos outros tópicos nos quais tenho aprendido muito. Em especial esse, que me abriu conhecimento sobre memórias. Obrigado! Abraço.
Postado 16 de março de 2015
Artigo completamente atualizado para incluir as memórias DDR4, uma nova página explicando sobre densidade e melhorias gerais no texto.
Postado 16 de março de 2015
Excelente artigo, parabéns!, e obrigado por compartilhar conosco.
Postado 25 de abril de 2015
Muito bom para dar uma relembrada no funcionamento da transferência de dados da e para a memória.
 
E especialmente porque no concurso do TRT caiu exatamente uma pergunta falando disso. :)
Postado terça-feira às 15:28
Artigo atualizado em 19/04/2022 para a inclusão das memórias DDR5, nova página sobre CRC e ECC, adição do modo rajada e melhorias gerais no texto inteiro.
Você precisa ser um usuário para fazer um comentário
Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!
Já tem uma conta? Faça o login.
Por Flavia Dutra
quarta-feira às 10:15
Por Flavia Dutra
quarta-feira às 10:10
Por Flavia Dutra
terça-feira às 17:00
Por Flavia Dutra
terça-feira às 10:15
Por Flavia Dutra
terça-feira às 10:10
Por Gabriel Torres
terça-feira às 15:17
Por Gabriel Torres
segunda-feira às 17:59
Por Gabriel Torres
13 de abril
Por Gabriel Torres
5 de abril
Por Gabriel Torres
17 de fevereiro
No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas comunidades sobre tecnologia do Brasil. Leia mais
Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais
Clube do Hardware Powered by Invision Community
Ebook grátis: Aprenda a ler resistores e capacitores!
EBOOK GRÁTIS!
CLIQUE AQUI E BAIXE AGORA MESMO!

source

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.