E-Sports

LoL | brTT deve anunciar pausa na carreira nos próximos dias – ESPN – Tudo pelo esporte

wp header logo 695 Albânia 10

Você está na Edição Brasil. Para acessar edições de outras regiões, clique aqui.
Um dos maiores e mais importantes, se não o maior e mais importante, jogadores do competitivo de League of Legends deve deixar de atuar profissionalmente. Com diversas movimentações da janela de transferência acontecendo nas últimas semanas, segundo fontes Felipe “brTT”, um grande nome da comunidade do MOBA da Riot Games, deve anunciar nos próximos dias uma pausa em sua carreira, a informação foi apurada pelo ESPN Esports Brasil.
Agora você pode assistir a todos os conteúdos da ESPN ao vivo quando e onde quiser no Star+. Um novo jeito de ver esportes. Assine já.
O atirador carioca, assim como Fallen no CS:GO, é considerado como um dos pioneiros do cenário brasileiro de League of Legends. Atuando profissionalmente desde 2012 – entrando no competitivo apenas dois anos após o lançamento oficial do jogo -, brTT já colecionou passagens por diversos grandes times e hoje coleciona mais títulos do que qualquer organização e jogador que já passou pelo CBLoL: no total são seis riscos (tatuagem) na cara, que correspondem aos seus seis títulos dentro do campeonato.
Iniciando sua caminhada na equipe Noob da Net, em poucos meses o atirador chamou a atenção daquela que viria a se tornar uma das organizações mais prestigiadas do League of Legends brasileiro: paiN Gaming. Passando dois anos vestindo a camisa da organização em sua primeira passagem, o atirador voltou a representar os Tradicionais dentro e fora dos servidores outras duas vezes ao longo de sua carreira: entre 2015 e 2016, e a partir de dezembro de 2019 até hoje.
Além da tradicional paiN, Felipe “brTT” também colecionou passagens por equipes como Keyd Stars, onde jogou ao lado de nomes como Mylon, Winged, Loop e Takeshi, além de conquistar seu segundo título, e também pela RED Canids e pelo Flamengo Esports, onde conquistou mais dois títulos, um com cada time.
A paiN foi a organização com a qual o jogador conquistou mais títulos, sendo três no total. Apesar de deixar de atuar profissionalmente no League of Legends, em um primeiro momento o jogador deve continuar com a organização paiN Gaming.
A saída de brTT já vinha sendo discutida nos últimos dias e, segundo fontes, o jogador não faz parte dos planos da paiN para 2022. Para calçar as pesadas chuteiras – ou melhor, mouse e teclado – deixadas pelo jogador, a paiN Gaming deve contar com o reforço do atirador Matheus “Trigo”, que esteve atuando pela Rensga Esports na última temporada, onde alcançou a grande final da segunda etapa do CBLoL 2021.

source

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.