Tecnologia

Ar-condicionado Wi-Fi: veja sete marcas que oferecem a tecnologia – TechTudo

wp header logo 519 Albânia 10

Por Isabele Scavassa, para o TechTudo
18/11/2021 02h00 Atualizado 18/11/2021
O ar-condicionado com conexão Wi-Fi é um eletrodoméstico que permite controlar as configurações de funcionamento à distância com a ajuda de celulares ou tablets. Assim como outros dispositivos da casa conectada, o produto permite ajustar funções por comando de voz e até fazer uma programação automática. Além disso, prometem economizar energia para diminuir a conta de luz.
Entre as marcas que disponibilizam a tecnologia no mercado estão a LG, Samsung e Midea, que investem em modelos variados, com especificações e faixas de preço diversas. O investimento em um ar-condicionado conectado à internet pode começar em R$ 1.799 e chega aos R$ 8 mil, fator influenciado principalmente pelos BTUs necessários. Confira na lista a seguir as empresas que trabalham com esse tipo de eletrodoméstico e alguns dos modelos comercializados no Brasil.
🔎 Amplificador de som para celular: veja 5 modelos por a partir de R$ 34
Ar-condicionado Wi-Fi: modelos de empresas como LG, Samsung e Midea podem economizar energia — Foto: Divulgação
Qual ar-condicionado gasta pouca energia? Tire suas dúvidas no Fórum do TechTudo
Nota de transparência: Shoptime e TechTudo mantêm uma parceria comercial. Ao clicar no link da loja, o TechTudo pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação. Os preços mencionados podem sofrer variação e a disponibilidade dos produtos está sujeita aos estoques.

1. LG

A LG integra o ramo da casa conectada com vários eletrodomésticos inteligentes. Uma das possibilidades é o ar-condicionado Wi-Fi, que permite controlar as funções por comando de voz ou pelo celular por meio da conexão à internet. A empresa garante opções de produtos que começam em R$ 1.999 e podem chegar a R$ 8.999, considerando os valores do site oficial e das varejistas. A faixa de preço varia de acordo com especificações e principalmente por conta da escala de BTUs.
Um dos modelos disponibilizados pela LG é o S4-W09WA51A, de R$ 2.400 que, assim como a grande maioria, traz motor Inverter e possibilidade de ar quente ou frio. O motor é responsável por um funcionamento contínuo e silencioso capaz de refrigerar mais rápido e economizar até 70% de energia elétrica em comparação com aparelhos convencionais.
LG traz opções compatíveis com assistentes virtuais — Foto: Divulgação/LG
Tanto o ar-condicionado acima quanto outras opções podem ser controladas por assistentes como Google Assistente, ou por meio do app LG ThinQ – disponível para iPhone (iOS) e Android. As duas tecnologias permitem programar um horário para funcionamento ou acionar o dispositivo e a temperatura de qualquer lugar, mesmo fora do cômodo que será refrigerado.

2. Midea

A Midea é uma das empresas de destaque no meio da climatização e também integra o ramo de ar-condicionado com conexão Wi-Fi. A faixa de preço para os modelos da marca fica entre R$ 1.899 e R$ 4.099, variando de acordo com os BTUs e outras características.
Algumas opções contam com modos de funcionamento programáveis, como a função noite e a energia, que trabalham para manter a temperatura amena e estável durante o sono e para economizar durante determinado período, respectivamente.
O AirStill possui um design futurista com saídas de ar na lateral e furos nas aletas — Foto: Divulgação/Midea
O Idea Inverter AirStill é um exemplo de ar-condicionado de 12.000 BTUs que é comercializado por cifras a partir de R$ 4.099. Ele garante economia de energia pela tecnologia Inverter e pode oferecer ar quente e frio. O controle das funções é feito com a ajuda de um aplicativo desenvolvido pela própria empresa e que está disponível para iOS e Android.

3. Samsung

A Samsung traz opções de ar-condicionado conectados na linha chamada WindFree. O nome caracteriza os modelos que trazem uma tecnologia capaz de climatizar o ambiente sem usar vento direcionado. A conectividade permite controlar a temperatura e o funcionamento pelo Smart Things, plataforma da empresa sul-coreana que reúne o comando de todos os aparelhos da marca.
Além disso, também é possível usar o comando de voz para acionar as tarefas do eletrodoméstico e receber recomendações de configurações ideais por meio de análises da inteligência artificial. Assim como os outros aparelhos, este também traz um filtro para impedir que microorganismos se espalhem no ambiente refrigerado.
Ar-condicionado da Samsung refrigera o local sem criar vento — Foto: Divulgação/Samsung
Desta vez, o motor Inverter, associado a outras tecnologias, promete economia de até 77% ao final do mês. Outro ponto de destaque presente no modelo AR09TSEABWKNAZ é o compressor silenciador que promete menos ruídos na hora de climatizar um ambiente. O produto tem opções que variam entre 9.000 e 22.000 BTUs e oferece valores a partir de R$ 2.649 no site da Samsung.

4. Philco

A Philco também disponibiliza modelos de ar-condicionado com conexão à internet no portfólio. As opções contemplam uma variação entre 9.000 e 30.000 BTUs, e a faixa de preço vai de R$ 1.799 e chega aos R$ 6.499. A maior parte dos equipamentos acompanha o motor Inverter, tecnologia responsável por manter uma constância na refrigeração e um funcionamento silencioso.
Os climatizadores operam nos modos de resfriamento, ventilação e desumidificação e ainda podem ser usados no modo automático, que escolhe as melhores temperaturas de acordo com as condições do ambiente.
Ar-condicionado Wi-Fi traz controle de temperatura por smartphones ou pelas assistentes virtuais — Foto: Reprodução/Shoptime
O PAC30000IQFM8W é um exemplo de ar-condicionado com 30.000 BTUs, disponível no mercado por R$ 5.999, que oferece tanto aquecimento quanto refrigeração de um cômodo. As configurações, assim como de outros modelos da marca, podem ser acessadas por celulares ou tablets via aplicativo Philco Smart Life ou por assistentes virtuais como Siri.

5. Britânia

A Britânia oferece algumas opções para refrigerar o ambiente e, assim como a Philco, tem valores iniciais a partir de R$ 1.799. Com produtos de até 24.000 BTUs, os modelos de ar-condicionado Wi-Fi prometem uma economia de até 60% no consumo de energia e garantem um funcionamento silencioso.
O BAC9000ITQFM9W tem 9.000 BTUs e é comercializado por R$ 1.799 no site da fabricante. Ele agrega funções comuns aos aparelhos da Britânia, como possibilidade de ar quente e frio no ambiente, além de modo turbo para refrigerar mais rapidamente um cômodo.
Britânia integra o mercado de ar-condicionado Wi-Fi com modelos a partir de 9.000 BTUs — Foto: Divulgação/Britânia

6. Electrolux

A Electrolux traz o ar-condicionado conectado como passaporte para integrar o meio da casa conectada. Com pouca variação em termos de capacidade, é possível encontrar opções de 9.000 e 12.000 BTUs no site da empresa, com valores que começam em R$ 2.049. O modelo que detém as cifras mencionadas é o XI09R/XE09R, produto que reúne informações como a temperatura e o status de funcionamento em um painel preto acomodado no centro do ar-condicionado.
Em termos de especificações, o modelo conta com classificação energética “A” e tecnologia Inverter, duas características que prometem economia de até 60% ao final do mês. Outra ferramenta disponibilizada no ar-condicionado é a detecção das condições do ambiente para ajudar a definir a melhor temperatura e modo de funcionamento.
Electrolux tem app exclusivo para controle de dispositivos inteligentes, inclusive do ar-condicionado — Foto: Divulgação/Electrolux
O aplicativo Electrolux Home+ agrega uma série de funções, entre elas o controle de temperatura do ar e um suporte que indica as melhores soluções para eventuais problemas com o eletrodoméstico. Por fim, o app também disponibiliza a barra de “favoritos”, que salva as definições preferidas dos usuários e reproduz da mesma forma quando solicitado.

7. Elgin

A Elgin usa um módulo externo Wi-Fi para possibilitar a conexão do ar-condicionado. Compatível com as linhas Eco Power e Eco Inverter, a fabricante garante o controle desses aparelhos por meio de celulares com sistemas Android e iOS. Isso permite que as funções sejam acionadas à distância pelo app da empresa e facilite a vida dos usuários.
Elgin traz adaptador para permitir conexão Wi-Fi ao ar-condicionado — Foto: Divulgação/Elgin
Vale lembrar que o adaptador para receber sinal de internet é compatível com os modelos de 18.000 e 24.000 BTUs, como é o caso do Eco Inverter Split Hi-Wall de 18.000 BTUS, que está disponível por cerca de R$ 2.950 no mercado online.
Com informações de LG, Samsung, Britânia, Philco, Elgin, Midea e Electrolux
Cinco acessórios para casa inteligente

source

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *