Tecnologia

Avaliação: Ford coloca à prova as tecnologias de segurança da Transit 2022 – DM.com.br

wp header logo 84 Albânia 10

Dirigimos a van de passageiros que volta ao Brasil mais conectada, confortável e segura.

A Ford colocou à prova a nova Transit 2022. O modelo foi submetido a situações reais que serão encontradas no trânsito, seja na cidade ou em rodovias, quando estiver no seu dia adia de trabalho.
A marca levou jornalistas automotivos especializados dos principais centros do País para conhecer de perto e até experimentar o pacote de tecnologias de segurança que o novo produto traz a bordo.
A pista de testes da Goodyear, em Americana, interior de São Paulo, foi o local escolhido para as provas. No local, a nova Transit 2022 que está desembarcando no Brasil, vinda do Uruguai, não foi poupada dos testes que estavam reservados.
A ideia era a de mostrar nos detalhes a eficiência de tecnologias semiautônomas de assistência ao motorista disponíveis na Transit 2022, bem como seu conforto interno e dirigibilidade.
O “DMAutos esteve representado no evento por este Editor de Veículos. Conhecemos ao volante da confortável e tecnológica van de passageiros o funcionamento do piloto automático adaptativo, do assistente de permanência em faixa e da assistência autônoma de frenagem de emergência. As tecnologias funcionaram de forma muito eficiente.
Frenagem de emergência
No caso da frenagem de emergência, os testes repetidos mostraram total segurança. Um obstáculo colocado à frente, simulando a traseira de um veículo, foi a referência para a frenagem sem a ação humana, ou seja, do motorista.
Rodando a 50 km/h, a Ford Transit 2022 parou antes do choque com a traseira do suposto veículo à frente. O teste foi feito por três vezes, sendo uma delas na velocidade de 40km/h.
Testamos também, com respostas igualmente eficientes, os sistemas de manutenção de faixa e o funcionamento do piloto automático adaptativo. Uma Ford Ranger à frente serviu de referência para o teste do sistema. Incrível como a tecnologia funcionou com perfeição.
Durante todo o trajeto a Transit manteve a distância de segurança estabelecida. De forma que a Ranger acelerava a van automaticamente também ganhava a velocidade até o limite de 70 km/h previamente estabelecido.
Na pista molhada, com direito a Slalon, os controles de estabilidade e tração, anticapotamento e de torque em curvas foram rigorosamente testados pelo piloto de testes ao volante da Transit. Estávamos lá como passageiro. O piloto usou e abusou dos equipamentos de segurança na pista escorregadia, sem que a van desse qualquer sinal de perder aderência e escapar do controle do condutor.
Comparativo
A mesma experiência foi feita com a Mercedes-Benz Sprinter, levada para a pista para efeito de comparativos. Os resultados não foram tão satisfatórios. O experiente piloto teve certa dificuldade para manter a van concorrente no trajeto entre os cones. As rodas pareciam ficar presas nas curvas e por vários momentos o controle do veículo enfrentou momentos críticos.
A Ford quis apenas mostrar a superioridade da Transit em relação à Sprinter, apontada como sua principal concorrente, nos quesitos conforto, dirigibilidade e segurança do seu modelo. A nova Transit surpreende. A van da Ford oferece vantagens reais, conferidas na prática durante os testes realizados na pista da Goodyear.
Nossa conclusão é de uma Transit bem superior em relação à Sprinter. Dirigir o modelo é como estar a bordo de um carro de passeio. A coluna de direção multifuncional tem regulagem de altura e profundidade e o banco dispõe de ajuste em quatro posições, com apoio de braço ajustável. O painel conta com uma tela multifuncional de 4”, de fácil operação e leitura.
A direção elétrica é bastante leve. A ampla área envidraçada facilita na dirigibilidade e os comandos são de fácil acesso. Tudo feito sob medida para o dia a dia de trabalho, inclusive a acústica sem ruídos na cabine.
Destaque para o câmbio manual de seis marchas. Os engates são curtos, precisos e macio. O câmbio trabalha em perfeita sintonia com o motor EcoBlue 2.0 turbodiesel.
Além de ter o maior torque e potência da categoria – 41,3 kgfm (@ 1.750-2.500 rpm) e 170 cv (@ 3.500 rpm) – e baixo consumo, o motor EcoBlue da Transit é o primeiro homologado no programa de emissões Proconve 7 (Euro 6), com Arla-32.
Tecnologias a bordo
A Ford Transit 2022 volta ao Brasil, depois de sete anos fora do mercado, esbanjando tecnologias de segurança, comodidade e com foco na produtividade. O modelo começa a ser comercializado no Brasil pela recém-criada Divisão de Veículos Comerciais da Ford. Os preços oficiais da Transit 2022 não foram divulgados oficialmente, mas devem partir de R$ 220 mil na versão vidrada e vão até R$ 275 mil na Transit 18+1 lugares.
Primeiramente será vendida apenas a versão de passageiros ou minibus, nas configurações 14+1, 15+1, 17x+1 e 18+1 lugares, além de uma vidrada, que virá sem bancos para ser personalizada conforme o gosto e as preferências dos seus clientes. No começo de 2022 chega a versão Furgão, destinada à entrega de cargas urbanas.
 “A Transit é um ícone global com mais de 60 anos de tradição e chega ao Brasil com os mesmos atributos que a tornaram líder de vendas na Europa e nos Estados Unidos”, diz Guillermo Lastra, diretor de Veículos Comerciais da Ford América do Sul. Segundo o executivo, ela faz parte do Ford Pro, um ecossistema completo criado para oferecer máxima produtividade para o cliente comercial, com o melhor produto e o menor custo total de operação.”
O motor EcoBlue 2.0 turbodiesel é o mais potente e avançado da categoria. Com tração traseira, a Transit é referência em segurança, dirigibilidade e tecnologia. Entre outros equipamentos é a única a vir com piloto automático adaptativo, sistema de permanência em faixa, auto start-stop, três modos de condução, volante multifuncional, estribo elétrico automático, cinto de segurança de três pontos para todos os passageiros e conexão USB nas fileiras.
Conectividade de série
A van da Ford também é a primeira a trazer conectividade de série, com um modem embarcado e o aplicativo FordPass. Esse modem aumenta a produtividade e agiliza os serviços para o cliente profissional que não pode parar.
A Transit conta com uma estrutura completa de serviços pós-venda para atender o cliente em toda a sua jornada com o menor custo de posse. Isso inclui desde uma rede com mais de 100 concessionárias e cobertura nacional, novos depósitos de peças e serviço de atendimento ao cliente dedicado, até condições especiais de financiamento e parceiros modificadores certificados.
A nova Transit é produzida no Uruguai, na nova fábrica construída pela Ford em parceria com a Nordex, seguindo padrões globais de qualidade. Para garantir sua adequação ao mercado brasileiro, o veículo passou por um extenso programa de desenvolvimento feito pela engenharia brasileira, que incluiu mais de 1 milhão de quilômetros de testes usando a estrutura do Campo de Provas de Tatuí, em São Paulo.
”Desde o projeto, a Transit foi pensada com foco na produtividade do cliente para oferecer a maior eficiência e o menor custo na operação do veículo”, diz Daniel Santos, gerente de Desenvolvimento do Produto da Ford América do Sul.
Prosseguindo, Daniel Santos disse que a A tração traseira, o assistente de troca de marchas no painel, os pneus com baixa resistência ao rolamento e a direção elétrica, com diâmetro de giro até 12% menor que o da concorrência, são itens que contribuem para reduzir o desgaste de componentes e favorecem a dirigibilidade.
Vocação urbana
Van de vocação urbana, a Transit é a única da categoria com sistema auto start-stop, que aumenta a economia de combustível na cidade. Os três modos de direção – Normal, Econômico e Escorregadio – que variam a calibração do módulo do motor, da curva do pedal do acelerador e do desempenho do ar-condicionado, são outra exclusividade.
Ela tem ainda um sistema inteligente de carregamento da bateria, com alternador de ciclo otimizado que aproveita as desacelerações para poupar energia. Direção elétrica, freio a disco nas quatro rodas, computador de bordo completo e luzes diurnas também são itens de série.
O conjunto de segurança da Ford Transit 2022 é reconhecido pelo Euro NCAP com nota máxima e o selo “Gold Medal” Inclua aí carroceria feita em aço de alta resistência reforçado com liga de boro e tecnologias semiautônomas que ajudam a evitar acidentes e aumentar a produtividade.
A Ford Transit 2022 é a única a vir com estribo lateral elétrico de série, que aumenta a segurança e conforto na entrada e saída dos passageiros. O equipamento tem acionamento automático e pode ser controlado também pelo painel de instrumentos.
Equipamentos
Cintos de segurança de três pontos em todas as posições, barras de apoio nos dois lados da entrada, encostos de braço ajustáveis e bancos reclináveis são de série na versão 17+1. Esses itens diferenciam a Transit das concorrentes, assim como o corredor central com fácil acesso para os passageiros.
Sua cabine também é 20% melhor mais silenciosa do que a da concorrência. A boa acústica cria um ambiente que reduz o estresse do motorista e aumenta o conforto dos passageiros.
A praticidade na cabine é destacada pelo amplo console de teto, nichos para copos, garrafas e documentos e um compartimento sob o banco do passageiro com espaço para acomodar uma mochila ou ferramentas.
Outro recurso útil é o encosto rebatível do banco do passageiro, que se transforma numa mesinha de apoio para laptop ou documentos.
A Transit traz o pacote mais avançado de tecnologias semiautônomas de assistência ao motorista, apoiadas por câmera e radar com foco na produtividade e segurança. Ela é a única da categoria com piloto automático adaptativo, assistente de permanência em faixa e assistência autônoma de frenagem com detecção de pedestres.
A van uruguaia da Ford Também vem de série com controles de estabilidade e tração, anticapotamento, de torque em curvas e adaptativo de carga, estabilização de vento lateral e assistência de partida em rampas, que ajuda a reduzir o desgaste da embreagem.
Câmera de ré elevada, sensor traseiro de estacionamento e retrovisores elétricos com indicador de direção também são de série.
A Trasit 2022 se diferencia também na conectividade. Ela é a primeira do segmento a vir com um modem embarcado de série, integrado à arquitetura elétrica do veículo para facilitar o seu controle e manutenção. Com o aplicativo FordPass o cliente tem o veículo na palma da mão, acessando comandos e informações pelo celular.
O app permite agendar serviços online nas concessionárias e acompanhar a sua execução, localizar o veículo, gerar indicadores úteis para o negócio e receber mais de 3.000 alertas de falha, facilitando a precisão e agilidade no diagnóstico.
Além disso, se ocorrer uma falha grave a Ford pode entrar em contato com o cliente através do acompanhamento preventivo inteligente para evitar a parada do veículo.
Outra novidade é a assistência técnica em conferência, em que o suporte técnico por telefone coloca o cliente em contato direto com o chefe de oficina da concessionária para resolver qualquer problema no veículo, seja por orientação remota, atendimento no local ou guincho.
A Transit também é a única que já vem com central multimídia de série, o SYNC Move, desenvolvido pela engenharia local, com tela sensível ao toque de 8”, fácil visualização e comandos de voz.
A central inclui acesso a Android Auto e Apple CarPlay, Bluetooth e permite baixar aplicativos, como o Waze. Quando pareada com o celular, exibe também um botão 0800 para falar direto com a Ford, por um simples toque na tela.
A central dispõe ainda de uma tecla de acesso rápido à câmera traseira, para o motorista poder conferir o que acontece atrás do veículo a qualquer momento. A atualização de software é feita “over the air”, na nuvem.
Garantia
A Transit vem com garantia de um ano ou 100.000 km e tem revisões a cada 20.000 km com o sistema preço fixo, que garante transparência e previsibilidade de custo. O cliente também tem a opção dos contratos Ford Protect, que permitem a aquisição antecipada de revisões, incluídas no financiamento.
A Ford criou condições especiais de lançamento para o financiamento da Transit, em parceria com o Bradesco, incluindo 90 dias de carência, taxas reduzidas, zero de entrada e até 36 parcelas, tanto para pessoa física como pessoa jurídica.
As modificações mais comuns na Transit, como instalação de ar-condicionado e banco adicional, serão feitas no Mod Center localizado no Espírito Santo, ao lado do porto de entrada. Além de garantir a qualidade e agilidade na implementação, essa estrutura oferece flexibilidade no atendimento.
Para outras transformações na Transit, a Ford preparou uma rede de parceiros modificadores. Além de um portal exclusivo para esses transformadores, com manuais e regras de uso e tudo o que pode ser feito no veículo, incluindo pontos de furação e diagramas elétricos, eles contam com a assistência da engenharia da marca em todo o processo.
A marca criou também uma estrutura especial para grandes frotistas, com um funcionário dedicado para oferecer atendimento e manutenção personalizada na concessionária.
O JORNAL DO LEITOR INTELIGENTE.
Que o mundo vê e lê na internet.
Diário da Manhã © 1980 – 2021 Todos os direitos Reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do Diário da Manhã. Desenvolvido por Datapage

source

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *